Justice League Análise Ao Filme

Justice League Análise Ao Filme

Justice League análise ao filme. Já está nos cinemas a tão aguardada estreia do filme com a equipa de super-heróis de topo da DC Comics. Como não podia deixar de ser o PUMPUM foi ver e aqui fica a meticulosa análise. Aviso já que me estou a borrifar para as opiniões dos outros, ou a opinião formatada que outros querem passar sobre este filme. Aqui escrevo a minha opinião. Não estou interessado numa disputa DC versus Marvel. Isso fica para os doentinhos sem vida própria.

Justice League Análise Ao Filme

Justice League Análise Ao Filme

Começo novamente por avisar que as análises do PUMPUM a filmes e séries contêm sempre spoilers. Se não queres spoilers então fica por aqui e não desças mais. Vais ficar a saber alguns dos detalhes da história do filme Justice League por via da minha análise. Convido-te a leres outros artigos do blog do PUMPUM. Se gostas de spoilers ou não te fazem qualquer confusão então segue a leitura. Justice League análise ao filme.

As minhas expectativas para este filme não eram grandes, começo por dizer para introdução. Os filmes DC no grande ecrã têm sido algo fora do comum. Fazem dinheiro mas não são bem recebidos por fãs e críticos de cinema. Wonder Woman acaba por ser a excepção que confirma a regra. Verdade seja dita que a Warner quis fazer diferente, fez, assumiu os riscos e os resultados são o que são. Para uns servem, para outros não. A mim fica a ideia de que filmes de super-heróis que partilhem o mesmo universo cinematográfico terão de seguir a formula que a Marvel utiliza. Não há volta a dar a isso. É um facto. Podia estar em negação mas não vale de nada.

Nota-se que há confusão nos filmes da DC Comics. Sim, o universo é o mesmo, é partilhado, mas como cada cabeça pode meter a sua visão no filme acaba por dar uma identidade própria a cada um. Quando a meu ver deveria estar a dar um equilíbrio, continuidade e coerência que se vê nos filmes da Marvel. A Warner, para mim, tem dois pontos melhores que a Marvel mesmo ao “imitar” a formula de fazer filmes. Os filmes DC/Warner têm melhores cenas de acção, com mais atenção ao detalhe, e as bandas sonoras são vários patamares acima do que seria de esperar.

A Formação da Equipa

Justice League Análise Ao Filme Formação Equipa

Não achei a formação da equipa um processo lento. Batman e Wonder Woman foram os recrutadores de serviço. Batman fez a abordagem a Aquaman e não obteve sucesso. Wonder Woman abordou Cyborg, também sem sucesso. Mas lá acabaram por se juntar nos momentos de aflição. E a Liga da Justiça a cinco elementos soa bem, parecia bonito mas o vilão mesmo assim mostrava estar mais poderoso. Era necessário um membro adicional e eu e tu sabemos quem é. Sim, é ele. Não, não é o Lanterna Verde. Mas aparece um Lanterna Verde num flashback. Por isso é de esperar que também se junte à Liga futuramente.

Para mim o filme está divido da seguinte forma: chegada do vilão e formação da equipa, seguido de ressuscitar o Superman, e por fim eliminar a ameaça não muito ameaça apresentada por este vilão. Dado que quando o Kryptoniano entra em cena a balança fica de tal modo desequilibrada para o lado dos heróis… O enredo do filme é bastante simples. O que é algo incomum num filme DC. Estava habituado a enredos com mais algumas camadas e a fazer o espectador a puxar um bocado pela cabeça e se limitar a estar sentado a comer pipocas e a chupar o refrigerante do copo. Este filme quer ser o mais abrangente possível em termos de público.

O Vilão

Justice League Análise Ao Filme Steppenwolf

Este foi daqueles que é escolhido para entrar num filme e ser “queimado”. Nada contra a abordagem que foi dada a Steppenwolf. Aparece no filme para servir de vilão sacrificado para hipoteticamente, ou teoricamente, os filmes com personagens DC deste universo serem encaminhados para outro caminho e poupar, ou guardar, os grandes trunfos de vilões extra-terrestres para uma fase posterior. O que revela inteligência. Até parece que a Warner quis copiar a formula da Marvel ao ter um vilão que não é colocado de modo a se sentir que ele vai mesmo fazer estragos dos grandes. Anda sempre à volta em vez de ir directo ao assunto. O que cria um desinteresse. Mas por aquilo que o filme mostra ser até percebo esta abordagem. Mas muitos fãs não gostarão. Isso é mais do que certo.

As Cenas de Acção

Justice League Análise Ao Filme The Flash

Este filme vem na linha daquilo que gosto em particular nos filmes DC. As cenas de acção estão tecnicamente muito bem feitas e com um nível de detalhe que enche o olho a qualquer fã destes super-heróis porque mostra onde os poderes em particular de cada um, ou a falta deles, faz a diferença. Superman é aqui revelado como capaz de lidar sozinho com os outros cinco membros da Liga da Justiça.

Sim, quando ele é ressuscitado não está de bom humor. E em cima disso está com alguma amnésia. Não, não aparece com o fato escuro. Não sei onde é que o fato escuro ficou. Mas o importante a reter desta cena é um momento em particular quando Superman consegue topar sem esforço a velocidade de Barry Allen e parar a sua investida. Tens mesmo que ver o filme e maravilhar-te com esta cena que mostra e comprova que neste campo os filmes DC/Warner estão vários furos acima das cenas de acção dos filmes da Marvel. É a minha opinião pessoal.

Uma Vez Mais…

Uma Teoria Para Justice League

Cenas presentes nos trailers não surgem no filme. Sim, principalmente aquela cena em que Bruce Wayne está a olhar para um vulto num holograma que parece ser a Supergirl. Sim, aquela cena onde Alfred diz que estava à espera que alguém chegasse. Onde é que estão no filme? Não estão! Mas apareceram no trailer. Os grandes estúdios precisam de perceber que ou todos os departamentos estão em sintonia ou então isto mais parece uma vontade deliberada de enganar os espectadores e fãs. Justice League Análise Ao Filme.

Mais detalhes no artigo que fiz intitulado Uma Teoria Para Justice League. E aqui também Justice League Primeiro Trailer Analisado.

Tanto Humor

Justice League Análise Ao Filme Humor

Muito para o típico filme DC Comics. Não é mau tanto humor. É mau quando o bom humor do filme já está mais do que visto porque é parte fulcral dos trailers oficiais. Quando se vê a mesma piada no contexto do filme já não tem o efeito desejado. Isto para quem viu os trailers. Quem não os viu e vê o filme vai rir. The Flash e Aquaman acabam por ser quem mais humor dá ao filme pelas personalidades vincadas dos personagens. Embora todos contribuam para este aumento de humor. Sim, até Superman e Batman têm umas boas piadas.

O Universo DC Futuramente

Justice League Análise Ao Filme Aquaman Hera

Este filme aproveita para montar os próximos filmes a solo dos seus super-heróis. Nomeadamente quero mencionar The Flash e Aquaman. Estes dois têm mais tempo de antena para a criação do seu filme a solo. Cyborg não tanto. Batman apenas temos a apresentação do Comissário Gordon e alguma acção em Gotham City. E Superman pronto… Não sei de nada mais a não ser que está vivo e de boa saúde. Aquela nave Kryptoniana está cada vez mais destruída, coitada.

Pelo que me é dado a entender tanto The Flash como Aquaman não terão filmes focados no seu começo como super-heróis, mas sim numa linha temporal que segue os acontecimentos pós-Justice League. Mas aqui há uma falha, pelo menos para mim, com The Flash e a sua aparição em Suicide Squad. Parece que a linha cronológica fica baralhada. Ou não? Ou sou eu que não estou a perceber alguma coisa? Ou a formula dos restantes filmes a solo será a mesma que trouxe o sucesso de bilheteira a Wonder Woman? É esperar para ver.

E aqui tivemos a Warner, novamente, a seguir a formula da Marvel com cenas pós-créditos finais que ajudam a adoçar o gosto para o futuro do Universo DC Comics no grande ecrã. Não vou dizer o que acontece nelas, mas valem bem a pena e percebe-se que há mesmo um mudar de tom e orientação.


Trailer Final Oficial de Justice League – Liga da Justiça

Justice League Análise Ao Filme.


Justice League Análise Ao Filme

Justice League Análise Ao Filme Equipa

Agora é a tua opinião e comentário que quero. O PUMPUM já viu o filme e até gostou, dada a conjuntura em que se vê envolvido o universo DC/Warner. E tu? O que achaste? Aprovado ou reprovado? Deixa o teu comentário ou opinião em baixo. Tenho todo o gosto em ler e responder. Se gostaste deste artigo no blog do PUMPUM podes partilhar nas redes sociais. Muito obrigado. Justice League análise ao filme. Uma coisa é certa, espero que saia a versão completa do filme em Blu-Ray ou digital. E quero ver o filme a solo de The Flash e de Aquaman. Este último chega em 2018. Já não falta tudo.

Comentários

Partilhe com um amigo