ACMA Sentimentos

ACMA Sentimentos

ACMA Sentimentos. Sentimentos é o tema para o mês de Fevereiro para o ACMA. Eu sou uma pessoa sensível – muito – e com sentimentos – muitos. Jogos e sentimentos andam de mãos dadas. Sim, andam, não me contraries a ideia já no primeiro parágrafo. Por isso faz todo o sentido abrir o meu coração neste tema. É um coração grande, fantástico – acreditem.

ACMA Sentimentos

Neste post vou expor-me mais do que o normal e até, talvez, mais do que o que gosto. Vou revelar a minha abordagem ao mundo dos sentimentos nos jogos, com dois exemplos. Podem conhecer, podem não conhecer. Não vou estar em grande (ou pequeno) detalhe sobre cada um dos jogos. Vou focar-me em exorcizar os meus sentimentos neles. Repara bem na quantidade de corações cor-de-rosa que já estão a pairar, completamente em desrespeito pelas ordens e funcionamento da Gravidade.

Como disse que me vou expor, e é verdade, ficas já a saber o meu primeiro grande segredo: faço parte da elite de jogadores masculinos que bebe o néctar dos deuses – Monster Energy. Não há sessão de jogo onde esta maravilhosa substância líquida não transborde sobre os meus lábios e língua. Puro deleite!

ACMA Sentimentos

Senhores da Monster Energy, sou consumidor fiel, como acabei de demonstrar. Dada a publicidade que lhes estou a fazer, tenham a gentileza de entrar em contacto comigo. Tenho todo o gosto em lhes dar o meu IBAN. Obrigado. O PUMPUM está sempre disponível para bons negócios.

Sou um jogador a sério. Como o posso provar? Tenho um teclado mecânico da Asus (Asus Echelon Mech), tenho um comando da Logitech, dois monitores LED Full HD da LG. Um Microfone Blue Yeti e, mais importante, o Razer Deathadder Chroma, onde pouso a minha mão sob o LED RGB, para não ver os efeitos básicos de iluminação. Engenharia de topo para um rato de €90, génios da Razer!

Apesar de ter todo o equipamento acima mencionado, continuo a ser mau jogador. Mas isso é segredo. Não te metas a dizer isso em todo o lado. Tenho sentimentos.

Sentimentos De Amor E Carinho No CS:GO

Andei durante algum tempo a ver se conseguia ser alguém, ou alguma coisa, no CS:GO, mas não consegui. Não por falta de tentativa e empenho, mas por ficar passado com várias situações durante as partidas e também porque o jogo tem essas falhas propositadamente colocadas. A Valve faz milhões com o jogo, e muitos desses milhões provêm de batoteiros que são expulsos.

ACMA Sentimentos

E há este loop que permite o seu regresso desde que comprem uma nova cópia do jogo, e são centenas de milhar a fazer isto, inclusivamente jogadores profissionais de CS:GO foram apanhados em competições oficiais e não só a utilizar batotas! Estas atitudes e a inacção de quem faz o jogo não são um bom cartão de visita. Basta implementar um sistema em que se bane definitivamente os batoteiros. Como?

Banir por MAC Address em vez de banir por conta de jogador. Sim, também dá para contornar, mas o custo associado não são os €10 de uma nova cópia do jogo. Para contornar o bloqueio do MAC Address tinham de ir comprar uma nova cópia do jogo e, pior que isso, comprar uma motherboard nova. Então num laptop está fora de questão, era problema resolvido. Todos os dispositivos que se ligam a uma rede, ou à internet, têm um MAC Address único.

Batotas E Batoteiros Em Concreto

Eu sei que te estás a perguntar o que é que eu estou para aqui a escrever. Continua comigo nesta viagem e vais ver que no fim tudo faz sentido – vais ver a luz ao fundo do túnel (isto se a luz não estiver fundida). Estar a jogar rodeado de batoteiros tira-me do sério! É o mesmo que ser encavado e não ficar com marcas de bâton. Pronto, é um bocado exagerado, mas dá para perceber onde quero chegar. Isto bate fundo cá dentro. Sim, esta frase não é minha, vi e ouvi esta frase ser dita na TV por uma prima da Popota.

ACMA Sentimentos

Estás a ver o que é andares sem fazer barulho e, antes de contornares a parede, já estás a ser furado por balas? Sim, porque o chico-esperto estava a usar wall-hacks, um tipo de batota que te permite ver a silhueta dos adversários através das paredes. Outra batota que me tira do sério: estou eu devidamente equipado com uma AK-47 ou M4A; a mira está certinha na cabeça do adversário para o belo headshot; disparo certeiro, acerto em cheio, mas não morre nem faz dano! O quê!? Assim não me levam ao altar, podem ter a certeza.

Mas há outro problema pior, pelo menos para mim, no mundo do CS:GO. Vou abordá-lo de seguida.

A Invasão De Putos No CS:GO

Detesto aqueles putos que andam em partidas competitivas a altas horas da noite. Já deviam ter comido uma tigela de Chocapic e estar a sonhar com o próximo Pokémon que vão apanhar no recreio da escola, mas não. Estes meninos andam até altas horas da madrugada a jogar CS:GO porque, julgam eles, é cool. São mais GG, mais OP que os outros mas, putos, digo-vos já que estão completamente enganados. São mais parvos, isso sim, um nível de parvo só comparável a um saco cheio de martelos, mas vocês estão lá. Os meus parabéns pelo feito! Continuem com esse grau de morte cerebral. O vosso futuro agradece.

ACMA Sentimentos

O que é que estes putos andam a fazer a jogar CS:GO? Não há nenhum jogo para a idade deles? Como, por exemplo, um jogo da Barbie e do Ken. Onde andam os pais para deixarem os miúdos jogarem algo destinado a maiores de idade? E para os deixarem entregues a si próprios horas a fio na internet sem observação? Bem, vou voltar à análise profissional, lógica, intelectual e profunda pela qual sou desconhecido.

E quando os putos se metem a usar o voice-chat do jogo durante uma partida? Bem, não se percebe nada! Compraram os auscultadores mais baratos que tinham a palavra gaming impressa na embalagem. Parece que meteram o microfone dentro da boca ou, então, estão a ter um enfarte, ou ambos. Existe a possibilidade, não muito remota, de não saberem falar. Estou mais inclinado para esta última.

Os Génios Da Táctica

Os putos no CS:GO são uma das causas pelas quais deixei de o jogar. São uns génios da táctica. Sim, porque o jogo não é só dar tiros por dar tiros, tem a sua ciência, ou falta dela. Existem diferentes mapas e cada um tem as suas especificidades. Por isso existem várias tácticas a usar em cada um dos mapas. Muitas vezes a táctica usada num mapa equilibrava a partida, no sentido de uma equipa ter menos perícia e pontaria com armas, mas se souber mover-se no mapa a falha anterior ficava colmatada, mas com os putos não há nada a fazer, parecem uns animais à solta. Não dá para os domesticar.

Imagina: estás num mapa e tens vários pontos para abordar a equipa adversária mas, como os putos estão com o cérebro desligado, ou ausente em férias prolongadas, resolvem começar aos tiros mal saem da base. Sim, tiros para lado nenhum! Poupar as poucas balas que se tem? Não, as balas não fazem falta num jogo destes! E pior: ao dispararem estão a fazer aquela coisa chamada de barulho, o que alerta a equipa adversária onde estamos localizados. Isto é algo de génio! Só seres dotados de um elevado QI conseguem inovar com estas tácticas.

“Oh, estou aqui! Estão a ouvir bem os tiros? Estou aqui! Vou disparar mais, até gastar as balas todas. Assim que chegarem a mim eu não tenho balas para disparar contra vocês. Matam-me com mais facilidade.”

E depois ainda querem que eu tenha calma. Sim, sim. Não tenho nada contra putos em geral. Isto é um caso específico. Eu quando era puto – pensando bem acho que ainda não deixei de ser – entretinha-me com muita coisa. Excepto chatear os adultos.

ACMA – A Cultura Mora a Aqui

ACMA Sentimentos. Se tens um blog e queres participar nesta iniciativa entra em contacto com a Joana, responsável, e pelo blog Cor Sem Fim. Envia-lhe um e-mail para corsemfim@gmail.com com o teu nome, idade e blog.

A iniciativa tem crescido a olhos vistos. Os blogs apresentam bons textos e abordagens variadas ao tema de cada mês. O meu, como podes ver, é a excepção que confirma a regra.

Participantes ACMA Fevereiro 2017

ACMA Sentimentos. Aconselho uma visita aos blogs fundadores e convidados desta iniciativa. Não só para leres os textos do tema ACMA para o mês de Fevereiro, mas também para conheceres a actividade regular dos mesmos. Quem sabe se não descobres um novo ponto de paragem na blogosfera. Já me aconteceu isso graças à iniciativa.

Podes conhecer mais na página do Facebook d’A Cultura Mora Aqui. Visita, faz like na página e activa as notificações.

Blogs Fundadores

Cor Sem Fim | Hey, Pêssegos! | Anda Daí! | Miss Melfe | The Eyes Of A Mermaid | Comic Life

Alguns dos Blogs Participantes no ACMA Sentimos

Eléctrico 28 | That Girl | On Being Joana | AVidaDumaFruta | Inxcio


Já passaste por este problema no CS:GO? É de rebentar com a paciência de qualquer Santo. Já conheces a colaboração ACMA – A Cultura Mora Aqui? Já viste outros posts ACMA Sentimentos? Não te esqueças de comentar e partilhar o post. Mas é mesmo para comentares e partilhares!

Comentários

Partilhe com um amigo